• Urbitá

Aprender ao ar livre: como essa prática contribui para o desenvolvimento pessoal



Na Dinamarca, aprender ao ar livre é uma prática tão bem difundida que vem inspirando outros países a se adaptarem às novas formas de ensinar impostas pelo coronavírus. Por lá, o termo “escola florestal” nasceu para mostrar que o aprendizado vai muito além da teoria ensinada nas salas de aula: seja em perímetro rural, semi rural ou urbano, os pequenos são sempre estimulados a aprender ao ar livre.

Na cultura escandinava, crenças mais humanísticas moldam todo o cuidado infantil e a educação dos pequenos há um bom tempo. Tanto que uma lei instituída por lá em 2004 tornou obrigatório que cada instituição escolar desenvolva planos curriculares baseados em áreas de aprendizagem como desenvolvimento pessoal e social, idioma, corpo e movimento e natureza e seus fenômenos naturais, todas suportadas pelo acesso regular ao ambiente natural.

Siga, curta e

Receba nossa

Compartilhe

  • icon_instagram
  • icon_facebook
  • icon_mail
  • icon_phone

Newsletter

Urbitá é um projeto da