top of page

Londres: Centro financeiro abraça verde e prioriza pedestres

Nos próximos anos, o distrito financeiro de Londres passará por uma mudança e tanto: uma série de ruas estreitas ou encruzilhadas caóticas serão transformadas em espaços caminháveis, voltados para o bem-estar dos pedestres e visando um trânsito mais tranquilo na região.


A maior transformação deve ocorrer em frente à Catedral de St. Paul, que se tornará uma grande praça pública, entre as maiores da capital. Um processo semelhante já aconteceu próximo à uma outra catedral nas redondezas, a St Mary le Strand, onde uma via de mão dupla altamente movimentada foi convertida em um passeio público com mobiliário e paisagismo.


© LDA DESIGN

A medida parte de um movimento para tornar Londres – com seus cerca de 9 milhões de habitantes – uma cidade mais calma, organizada e caminhável para seus moradores, algo que pode repercutir positivamente no futuro ao reduzir o número de acidentes de tráfego no distrito. Quando convidamos os pedestres a vivenciar as ruas, trazemos mais qualidade de vida para todos, um princípio de urbanismo que é praticado com frequência na Cidade Urbitá, que faz parte do movimento #somoscidade



© GENSLER / © LDA DESIGN

Comments


bottom of page